Acompanhe a partir das 18h45, a Jornada Esportiva da Rádio Itatiaia. Narração de Alberto Rodrigues, comentários de Edu Panzi, reportagens de Samuel Venâncio, Emerson Pancieri e Thiago Reis, análise da arbitragem com Márcio Rezende de Freitas, plantão de Fabrício Calazans, com Domingos Sávio Baião na análise dos números e a ancoragem de João Vitor Cirilo.

Marcelo Moreno está de volta ao time após cumprir suspensão. | Foto: Bruno Haddad/Cruzeiro.

Após a dura derrota para o CSA, no Independência, no último domingo (26), o Cruzeiro busca a reabilitação na Série B diante do Guarani. A Raposa tem chances remotas de acesso, cerca de 0,11% segundo o departamento de matemática da UFMG, e agora busca somar pontos e subir na tabela, para não ter que “pensar” na zona de rebaixamento.

Com 31 pontos e na 15ª posição, o Cruzeiro teve interrompida a sequência de 12 jogos de invencibilidade. Além disso, a derrota para o CSA foi a primeira do técnico Vanderlei Luxemburgo sob o comando da equipe celeste.

A diferença para o quarto colocado, agora o Avaí, com 46 pontos, é de 15 pontos. Em contrapartida, a distância para o Z-4 é de quatro pontos. O Londrina, na 17ª posição, tem 27 pontos. Com isso, o time de Luxemburgo precisa se recuperar e somar pontos na tabela, para não perder mais posições.

Para a partida, o técnico celeste precisará mudar a equipe mais uma vez. Moreno e Eduardo Brock, que cumpriram suspensão na última rodada, retornam ao time. No entanto, Luxemburgo não poderá contar com Matheus Pereira e Adriano, que cumprem suspensão, além de Wellington Nem e Marcinho, machucados.

Bruno José, recuperado de dores no tornozelo, está relacionado e deve, ao menos, ser opção no banco de reservas. Os atacantes Keké e Zé Eduardo também são opções para o ataque celeste.

Equilíbrio marca o retrospecto entre as equipes

Cruzeiro e Guarani já jogaram 36 vezes na história e o retrospecto do confronto é marcado pelo equilíbrio. São 13 vitórias para cada uma das equipes, além de 10 empates. Nos gols marcados, também há igualdade: 46 para cada lado.

No primeiro turno, os dois times empataram por 3 a 3 no Mineirão.

Por Nathalia Fiuza, Rede Itatiaia

Compartilhar via: