Foto: Mourão Panda / América

O América quebrou a sequência de quatro partidas sem vitória (três pelo Mineiro e uma pela Copa do Brasil) ao bater o Coimbra, por 2 a 0, em duelo da penúltima rodada da primeira fase do Campeonato Mineiro disputado neste sábado, no estádio Independência, em Belo Horizonte. Zé Ricardo e Rodolfo fizeram os gols. O resultado deixou o Coelho muito perto da classificação para semifinal e rebaixou matematicamente o time de Contagem para o Módulo II.

O América fez um excelente jogo, com domínio amplo, sem correr risco e com rendimento ofensivo consistente. Recém-contratado, o meia Bruno Nazário foi um dos destaques do Coelho.

Foi a sexta vitória do América, que assumiu provisoriamente a vice-liderança com 19 pontos, dois de vantagem sobre o Cruzeiro, terceiro colocado que enfrentará o Pouso Alegre neste domingo (18), no Sul de Minas. O Coelho pode garantir a vaga ainda nesta rodada, desde que Caldense e a URT tropecem. Já o Coimbra estacionou na lanterna, com apenas 5 pontos.

Primeira etapa

Ataque contra defesa. Assim pode ser resumido o primeiro tempo entre América e Coimbra. Foram duas bolas na trave e várias chances criadas pelo Coelho, diante de um adversário que jogou recuado e apostou, sem sucesso, no contra-ataque para surpreender.

Com seis minutos, Rodolfo e Felipe Rodrigues já tinham acertado a trave direita de Luiz Felipe. Perdido em campo, o Coimbra não conseguia parar o ataque do Coelho e muito menos ameaçar o goleiro Matheus Cavichioli. A equipe de Contagem aguentou até os 25 minutos, quando o volante Zé Ricardo recebeu passe de Alê, ajeitou e bateu da entrada na área. A bola ainda tocou na trave direita antes de entrar.

O América diminuiu o ritmo após abrir o placar e o Coimbra tentou sair. No primeiro ataque da Águia, aos 34 minutos, Cavichioli defendeu chute de Lucas Hipólito. Foi o único lance ofensivo do time de Contagem na etapa inicial.

Segundo tempo

O América voltou para etapa final em busca do segundo gol. Precisando vencer para não ser rebaixado, o Coimbra tentou sair atacar, mas esbarrava na sua limitação técnica.

A situação da Águia ficou ainda mais complicada aos 13 minutos. Em triangulação entre Juninho, Bruno Nazário e Rodolfo, o centroavante recebeu livre na área e ampliou: 2 a 0.

O técnico Eugênio Souza ainda tentou mudar a atitude do Coimbra em campo, fazendo quatro substituições de uma vez. No entanto, o América continuou soberano e soube administrar o resultado.

Próximos jogos

América e Coimbra encerram a primeira fase do Estadual no próximo domingo (25). Enquanto o Coelho tentará garantir a vaga diante da URT, em Patos de Minas, a Águia vai se despedir da elite do futebol mineiro contra o Uberlândia, no Independência, onde manda seus jogos.

América 2 x 0 Coimbra

América: Matheus Cavichioli; Diego Ferreira, Eduardo Bauermann, Anderson e João Paulo (Ramon); Zé Ricardo, Alê (Ricardo Silva) e Juninho; Felipe Azevedo (Carlos Alberto), Bruno Nazário (Ademir) e Rodolfo (Ribamar)Técnico: Lisca

Coimbra: Luiz Felipe; Filipi Sousa, Diogo Henrique, Augusto (Carciano) e Thiago Balaio; Thomás (Yuri Tanque), Gustavo Crecci, Klysman (Marquinho) e Lucas Hipólito; Igor Oliveira (Francis) e Rafhael Lucas (Eduardo). Técnico: Eugênio Souza

Motivo: 10ª rodada do Campeonato Mineiro

Data: sábado, 17 de abril de 2021

Local: Estádio Independência, em Belo Horizonte

Árbitro: Wanderson Alves de Souza

Assistentes: Ricardo Junio de Souza e Leonardo Henrique Pereira

Gols: Zé Ricardo, aos 25min do 1ºT; Rodolfo, aos 13min do 2ºT

Cartões amarelos: Filipi Sousa, Carciano, Yuri Tanque (COI); Diego Ferreira, Anderson (AME)
(Itatiaia BH) 
Compartilhar via: