TIMÓTEO CLIMA

Morre Rincón, ídolo do Corinthians, após acidente de carro na Colômbia

Reprodução Instagram

O ídolo do Corinthians Freddy Rincón morreu aos 55 anos nessa quarta-feira (13), dois dias após o ex-jogador sofrer um grave acidente de carro em Cali, na Colômbia. Ele estava internado na Clínica Imbanaco, que confirmou o óbito no início da madrugada de quinta-feira (14).

Acidente

Na última segunda-feira (11), o carro de Rincón foi atingido por um ônibus em um cruzamento em Cali, na Colômbia. Além dele, outras três pessoas também se feriram na colisão. Logo após o acidente, Rincón foi internado e submetido a um procedimento cirúrgico.

À data, a equipe médica confirmou o diagnóstico de traumatismo cranioencefálico severo e declarou que a situação do atleta era crítica.

Trajetória

O Corinthians se despediu do ídolo por meio de mensagem publicada nas redes sociais na madrugada de quinta-feira (14).

“Nosso capitão no primeiro título mundial. Eternamente em nossos corações”, escreveu o Timão. Freddy Rincón foi o capitão da equipe de São Paulo na conquista do Mundial em 2000.

No Brasil, vestiu também as camisas de Palmeiras, Santos e Cruzeiro entre 1996 e 2004. Craque do Corinthians, o ex-jogador marcou época na Seleção Colombiana, tendo disputado as Copas do Mundo de 1994, 1994 e 1998.

 

Está gostando do conteúdo? Compartilhe!

Desenvolvido por Vale Telecom