Por: Itatiaia BH

Foto: Mourão Panda / América

De lanterna da Série B do Campeonato Brasileiro para o G4. Com uma grande atuação, o América deu sequência à arrancada em busca do acesso à Primeira Divisão, passou por cima do líder Bragantino e venceu por 2 a 0, nesta terça-feira, no Independência, pela 27ª rodada da competição.

O zagueiro Ricardo Silva e o atacante Júnior Viçosa marcaram os gols do Coelho, que derrubou uma sequência de quatro vitórias do Bragantino na Série B. A equipe paulista, que sobra na competição, havia perdido somente uma vez nos 12 últimos jogos – 2 a 1 para o Sport, na Ilha do Retiro, dia 7 de setembro – e a defesa, a melhor da competição, tinha sofrido apenas 14 gols em 26 partidas.

O placar de 2 a 0 foi pouco, pois Diego Ferreira perdeu duas oportunidades incríveis para balançar as redes para o América, enquanto Willian Maranhão acertou o travessão pouco depois do segundo gol.

Com o resultado, o América subiu para a quarta posição, com 41 pontos, mesma pontuação do Paraná, mas à frente no número de vitórias: 11 contra 10. Apesar da derrota, o Bragantino segue líder isolado da Série B com 54, oito a mais que o Atlético-GO, segundo colocado.

Na próxima rodada da Série B, o América visita o lanterna Figueirense, sábado, às 19h, no Orlando Scarpelli. No mesmo dia, às 16h30, o Bragantino recebe o Paraná, no estádio Nabi Abi Chedid.

O jogo

O Coelho não tomou conhecimento do líder da Série B e dominou o primeiro tempo criando as principais chances de gol. Destaque na partida, Matheusinho deu muito trabalho para a defesa do Bragantino que chegou a bater cabeça com o goleiro Júlio César e o zagueiro Ligger. No lance, o camisa 10 americano aproveitou a bobeada e serviu Diego Ferreira, de frente para o gol aberto, mas ele errou a cabeçada de forma incrível desperdiçando a oportunidade para abrir o placar.

Mas, na etapa final, o América foi premiado por estar melhor em campo. Aos seis minutos, João Paulo cobrou falta para a área e Lucas Kal, que estava um pouco à frente do último marcador do Bragantino, subiu, mas não tocou na bola enganando Júlio César, que espalmou. No rebote, Ricardo Silva completou para o fundo do gol. O auxiliar não percebeu a irregularidade no lance e o gol do Coelho foi validado.

Diego Ferreira teve outra grande oportunidade de marcar para o América, mas perdeu de novo. Ele roubou a bola de Rafael Carioca no meio-campo, arrancou em velocidade e saiu cara a cara com o goleiro. Porém, na hora de finalizar, o camisa 29 chutou em cima de Júlio César.

O erro de Diego Ferreira quase custou caro ao América. Pouco depois, o Bragantino quase empatou em um chute de longe de Claudinho que Airton caiu o canto para evitar o gol.

No entanto, o dia era do América, que ampliou o placar aos 27 minutos. Após boa trama do ataque do Coelho, Juninho achou Júnior Viçosa entrando livre pelo lado direito do ataque e o camisa 33 mostrou toda a frieza para finalizar dando uma cavadinha e tirando do goleiro Júlio César. Na sequência, quase saiu o terceiro gol americano, mas Willian Maranhão parou no travessão.

América 2 x 0 Bragantino

América: Airton; Leandro Silva, Lucas Kal, Ricardo Silva e João Paulo; Zé Ricardo, Juninho, Willian Maranhão, Diego Ferreira (Geovane) e Matheusinho (Felipe Azevedo); Júnior Viçosa (Marcelo Toscano). Técnico: Felipe Conceição

Bragantino: Júlio César; Aderlan, Léo Ortiz, Ligger e Rafael Carioca; Barreto (Roberson), Uillian Correia (Wesley), Ytalo e Bruno Tubarão; Claudinho e Matheus Peixoto (Vitinho). Técnico: Antônio Carlos Zago

Motivo: 27ª rodada – Série B do Campeonato Brasileiro
Data: 8 de outubro de 2019, terça-feira, às 21h30
Local: Estádio Independência, em Belo Horizonte (MG)

Gols: Ricardo Silva (6’/2º), Júnior Viçosa (27/2º)

Cartão Amarelo: Léo Ortiz, Ligger, Rafael Carioca, Bruno Tubarão (Bragantino); Diego Ferreira, Ricardo Silva, Geovane (América)

Árbitro: Leandro Pedro Vuaden (RS)
Auxiliares: Jorge Eduardo Bernardi (RS) e José Eduardo Calza (RS)

 
Compartilhar via: