Reservas e atletas da base tiveram oportunidade em partida marcada pela despedida do goleiro Victor

Foto: Pedro Souza

Mesmo com time alternativo, o Galo fez jus a superioridade técnica e venceu, sem dificuldades, a URT por 3 a 0, neste domingo (28), no Mineirão, na estreia do Campeonato Mineiro. Os gols da partida foram marcados por Diego Tardelli, no primeiro tempo, Marrony e Echaporã, na segunda etapa.

A partida foi a última do goleiro Victor com a camisa do Galo. O ídolo do Atlético, titular no jogo, encerra o contrato com o clube hoje e, aos 38 anos, deve anunciar aposentadoria. Como homenagem, todos os jogadores alvinegros foram a campo com o nome do arqueiro na camisa. Houve, também, a apresentação de um vídeo promovido pelo clube.

O Atlético inicia o Campeonato Mineiro sem 14 jogadores, que atuavam com regularidade na Série A do Campeonato Brasileiro e estão de folga. Com isso pelo menos nos três primeiros jogos, o Galo dará oportunidade a jogadores reservas e atletas da base. Apenas nesta partida, jogaram os jovens: Calebe e Savinho, que já vinham tendo oportunidades, Echaporã, Felipe Felício, Iago Júlio e Matheus Lima.

O clube também está sem treinador desde a saída de Jorge Sampaoli. Foi comandado neste domingo pelo auxiliar técnico fixo Lucas Gonçalves. A tendência é que o clube defina o novo treinador ao longo desta semana.

Como fica

O Galo se junta a Athletic e América, que venceram na primeira rodada do Campeonato Mineiro. No critério de desempate, o Atlético leva a melhor e é líder da competição. Na quinta-feira (4), o Galo enfrenta o Tombense, às 21h, em Tombos. No mesmo dia, a URT recebe o Uberlândia, às 20h.

Domínio alvinegro

O jogo teve dono desde o início. Apesar de jogar com equipe alternativa, o Galo fez valer a superioridade técnica. Era objetivo nos toques de bola e, com triangulações, chegava com facilidade ao ataque. Perdeu uma chuva de gols no primeiro tempo, e poderia ter ido ao intervalo com vantagem mais ampla do que o placar magro de 1 a 0.

O gol saiu aos 24 minutos. Marrony dominou dentro da área, segurou a marcação e tocou para Diego Tardelli. O atacante alvinegro, de carrinho, empurrou para o fundo da rede. Galo 1 a 0, no Mineirão. Na comemoração, Tardelli abraçou o goleiro Victor, que se despediu o Galo.

Ímpeto ofensivo 

A intensidade ofensiva durante os 90 minutos, marca do ex-técnico alvinegro Jorge Sampaoli, fez-se presente, e o Galo voltou para a segunda etapa querendo marcar. E não demorou a conseguir o objetivo. Aos 4 minutos, Zaracho encontrou Calebe, que, com inteligência, rolou para Marrony. Cara a cara com o goleiro Renal Renaldi, o atacante chutou forte e ampliou para o Galo 2 a 0.

O Galo permaneceu superior na partida. Atletas da base ganharam oportunidades, e dos pés de Echaporã saiu o terceiro gol. O meia-atacante saiu na cara do gol, aos 49 do segundo tempo, e, com frieza, driblou o arqueiro e mandou para o fundo do gol. Galo 3 a 0.

Foto: Mineirão

Atlético 3 x 0 URT

Atlético: Victor; Mariano, Igor Rabello, Gabriel e Dodô; Dylan Borrero, Calebe e Zaracho; Sávio (Echaporã), Diego Tardelli (Felipe Felício) e Marrony. Técnico: Lucas Gonçalves (auxiliar fixo)

URT: Renan Rinaldi; Kellynton, Donato, Luís Felipe e Ian; Jean Carlos, João Paulo e João Diego; Léo Aquino (Romário), Mateus (Paulo Renê) e Yago (Wescley). Técnico: Welington Fajardo

Gols: Diego Tardelli (24’ 1º/T), Marrony (4’ 2º/T) e Echaporã (49’2 2/T)

Cartão Amarelo: Marrony (Atlético); Mateus (URT)

Motivo: 1ª rodada do Campeonato Mineiro
Data: 28 de fevereiro de 2021, domingo, às 18h15
Local: Estádio Mineirão, em Belo Horizonte (MG)

Árbitro: Ricardo Marques Ribeiro
Auxiliares: Celso Luiz da Silva / Leonardo Henrique Pereira

Por: Itatiaia BH

Compartilhar via: