Por: Itatiaia BH

Foto: Vinnicius Silva/Cruzeiro E.C.

Um dos líderes do grupo do Cruzeiro, o goleiro Fábio rechaçou os boatos que surgiram nos últimos dias em relação ao mau momento do time, que não vence há quatro jogos. Racha no elenco e salários atrasados foram os principais assuntos que repercutiram nas redes sociais e que o camisa 1 rebateu.

“Infelizmente, o resultado negativo aconteceu e, diante de outros resultados que não nos favoreceram, se coloca muitas polêmicas e as pessoas vão falando hoje com muito mais facilidade na rede social. E isso gera em alguns torcedores esse momento como se fosse verdade e prejudica todo o trabalho. Tem também o caráter de todos que estão aqui dentro do Cruzeiro. Eu estava fora (foi poupado na goleada sofrida para o Fluminense) e vi várias situações com meu nome”, disse.

“Já estou há muito tempo no futebol, já vivenciei várias situações, e a vitória encobre muitas coisas. Às vezes, um lance que acontece de errado, mas você venceu, ele é apagado facilmente da memória. Quando o resultado não vem, ele é multiplicado em algo negativo. Com essa geração de rede social, que tem muito mais força, a pessoa pode colocar ali a sua opinião e também falar o que quer porque não tem nenhum tipo de responsabilidade. Isso gera dúvida no trabalho e uma incerteza. Uma derrota transforma em uma coisa muito negativa, às vezes, pelos comentários, pelos boatos”, completou.

Para Fábio, nos dias de hoje, assim como há pessoas que criticam e criam boatos na má fase, existem também quem exagera nos elogios quando a equipe está bem. Até o fim de abril, o Cruzeiro chegou a ficar 22 partidas sem perder, conquistando o Campeonato Mineiro de forma invicta.

“A gente tem que saber separar bastante isso porque, quando você ganha, também se exagera muito, que você é o melhor time, melhor aquilo. Quando se está ganhando, todo mundo gosta de receber elogios. Então, quando não está no momento bom, tem que segurar, bater no peito, trabalhar e melhorar para próxima partida”, ressaltou o goleiro.

Com o objetivo de colocar ponto final nos boatos, o Cruzeiro quer voltar ao caminho das vitórias no próximo domingo, às 19h, quando o time enfrenta a Chapecoense, que também vem mal no Brasileirão – ocupa a 16ª posição, com quatro pontos –, no Independência. “Já estamos calejados, já vivenciamos várias situações como essa, então é continuar com trabalho, focado no próximo jogo, que é a Chapecoense, para que a gente possa voltar a vencer e passar a confiança novamente para o torcedor com bom futebol”, finalizou.

 
Compartilhar via: