TIMÓTEO CLIMA

Capitólio: cânions serão reabertos parcialmente a partir da semana que vem

Foto: Divulgação/Bombeiros MG

O prefeito de Capitólio, Cristiano Gerardo da Silva, autorizou a liberação parcial do funcionamento dos cânions da cidade. Há dois meses e meio, uma rocha se desprendeu em um dos atrativos turísticos do local e atingiu uma lancha, provocando a morte de 10 pessoas. Desde então, o local estava interditado.

O decreto municipal que retoma o funcionamento dos cânions leva em consideração a importância socioeconômica das atividades turísticas no local e os estudos geológicos realizados no local.

O documento lista uma série de regras para que a atividade turística possa ser retomada, entre elas, a limitação da quantidade de pessoas nos cânions e uma avaliação diária sobre as condições das rochas.

Confira as regras: 

– Análise diária, por profissional técnico, para avaliação geológica/geotécnica do atrativo, anteriormente ao início da visitação;
– Apresentação de termo de anuência assinado por passageiros das lanchas, contendo orientações sobre regras de visitação e uso de equipamentos de segurança;

– Obrigatoriedade do uso de capacete de proteção e coletes salva-vidas;
– Interrupção dos passeios em caso de chuvas ou verificação de deslocamento ou movimentação das rochas;
– Delimitação da área para embarcações e sinalização de trechos para orientar a navegação;
– Proibição da circulação para além das boias de demarcação;
– Proibição de som mecânico;
– Limitação da velocidade de navegação a 3 nós;
– Proibição da entrada de embarcações com mais de 32 pés;
– Limitação do horário das atrações – de 9h às 16h em dias úteis e de 8h às 18h nos finais de semana e feriados;

Relembre o caso

Em 8 de janeiro de 2022, um grande fragmento de rocha se desprendeu do maciço e atingiu as águas de um cânion em Capitólio. Diversas lanchas trafegavam pelo local e uma delas foi atingida em cheio. Dez pessoas morreram no incidente.

A Polícia Civil abriu um inquérito para investigar as causas do acidente e concluiu que o desprendimento da rocha se tratou de um evento natural.

 

Está gostando do conteúdo? Compartilhe!

Desenvolvido por Vale Telecom