TIMÓTEO CLIMA

Estados Unidos confirmam primeiro caso de ‘varíola dos macacos’ após registros da doença na Europa

Foto: CDC/Divulgação

Os Estados Unidos confirmaram, nessa quarta-feira (18), o primeiro caso de “varíola dos macacos”. De acordo com o Centro de Controle e Prevenção de Doenças (CDC), trata-se de um homem que viajou do estado de Massachusetts para o Canadá.

Segundo um dos médicos do órgão, Dr. Paul Biddinger, o paciente está internado em condição estável e segue em uma sala de isolamento de infecções desde a última quinta-feira (12). A doença foi investigada nos últimos dias.

Ainda conforme a agência, as pessoas que tiveram contato com o rapaz infectado devem entrar em contato com equipes médicas de maneira imediata e verificar se estão sofrendo com lesões incomuns ou erupções cutâneas, além de febre e inchaço dos gânglios linfáticos.

Durante a coletiva de imprensa, o especialista relatou que a “varíola dos macacos” é uma infecção rara e perigosa, e, normalmente, é contraída de um roedor. A disseminação da doença ocorre por meio de fluidos corporais, feridas e compartilhamento de roupas e roupas de cama.

Nas últimas duas semanas, além dos EUA, casos do vírus também foram registrados em Portugal, no Reino Unido e na Espanha.

Está gostando do conteúdo? Compartilhe!

Desenvolvido por Vale Telecom