Por: Itatiaia/Agência Estado

Foto: Mourão Panda / América

O América comemorou 107 anos de existência nesta terça-feira, mas deixou chateada a torcida que compareceu ao Independência para assistir ao duelo contra o Botafogo-SP, pela segunda rodada da Série B do Campeonato Brasileiro. Encontrando dificuldades para criar as jogadas, o Coelho foi castigado com um gol no fim do jogo e perdeu por 1 a 0.

O volante Marlon Freitas marcou o gol do Botafogo-SP aos 44 minutos do segundo tempo. O jogador aproveitou a falha na marcação da defesa americana, recebeu entre os zagueiros e, cara a cara com Fernando Leal, só escolheu o canto para dar os três pontos para a equipe de Ribeirão Preto.

Com o resultado, o América acumulou a segunda derrota seguida na Série B e ainda não pontuou na competição. Na estreia, o time alviverde já havia perdido também por 1 a 0 para o Operário-PR, em Ponta Grossa.

Agora, o Coelho tentará a reabilitação contra o Criciúma, no dia 11 de maio (sábado), às 11h, no Heriberto Hülse. Já o Botafogo-SP visita o São Bento-SP, no dia 9 de maio (quinta-feira), no estádio Walter Ribeiro.

O jogo

O jogo começou movimentado, com as duas equipes buscando o gol. O América teve um pouco mais de posse de bola e ameaçou logo aos oito minutos. Jonatas Belusso arriscou de longe, a bola desviou, mas parou nas mãos de Darley. Na sequência, foi a vez de Diego Jussani perder grande oportunidade, de cabeça.

O time mineiro continuou em cima do adversário e novamente criou com Belusso. O atacante deu uma caneta em Jonatas e soltou o pé para grande defesa de Darley. A resposta veio com Lucas. O ex-lateral do Palmeiras foi até a linha de fundo e tocou para Erick Luis, que parou em Fernando Leal.

O Botafogo equilibrou as ações, mas continuou esbarrando na forte marcação da defesa do América, que teve nova chance com João Paulo. Darley pegou mais uma. No fim, o jogo acabou caindo de produção, devido ao equilíbrio no meio de campo.

No segundo tempo, o América voltou pressionando. Aos cinco minutos, João Paulo jogou a bola para dentro da área. Diego Jussani desviou de cabeça e mandou rente à trave. O Botafogo respondeu no lance seguinte. Saraiva arriscou para Fernando Leal defender.

Aos 36 minutos, a situação do Botafogo se complicou. Saraiva parou no ataque e sentiu uma lesão na coxa. Como havia feito três substituições, o time ficou com um a menos. No entanto, a equipe do interior de São Paulo criou uma das melhores oportunidades de gol no lance seguinte. Nadson recuperou a bola e acionou Marlon Freitas, que fez a infiltração, apareceu de frente para o gol e chutou por cima.

Nos minutos finais, o Botafogo colocou todos seus jogadores atrás da linha do meio de campo, anulou os pontos fortes do América e acabou abrindo o marcador. Aos 44 minutos, Marlon Freitas recebeu de Higor Meritão e dessa vez tocou na saída de Fernando Leal.

América 0 x 1 Botafogo-SP

América: Fernando Leal; Leandro Silva, Diego Jussani, Paulão e João Paulo; Juninho (Pedro Augusto), Zé Ricardo, Felipe Azevedo, Matheusinho e Jonatas Belusso (Ademir); Júnior Viçosa. Técnico: Givanildo Oliveira

Botafogo-SP: Darley; Lucas, Leandro Amaro, Naylhor e Pará; Marlon Freitas, Jonata Felipe (Higor Meritão) e Nadson; Erick (Murilo Henrique), Rafael Costa (Henan) e Felipe Saraiva. Técnico: Roberto Cavalo

Motivo: 2ª rodada da Série B do Campeonato Brasileiro
Data e horário: terça-feira, 30 de abril de 2019, às 21h30
Local: Estádio Independência, em Belo Horizonte (MG)

Gol: Marlon Freitas (44’/2º)

Cartão Amarelo: Zé Ricardo (América); Erick, Murilo Henrique e Jonata Felipe (Botafogo-SP)

Público: 1.874 torcedores
Renda: R$ 7.495,00

Compartilhar via: