De acordo com a administração, Unidade emergencial mobilizou cerca de 100 profissionais em trabalho intenso, atendendo mais de 2 mil pessoas

Foto: Prefeitura de Ipatinga

O prefeito de Ipatinga, Gustavo Nunes, acompanhado do secretário de Governo, Roberto Soares, oficializou nesta quinta-feira (14) a desativação do Hospital de Campanha implantado para atendimento emergencial a pacientes com casos graves de Covid-19. A unidade funcionou durante pouco mais de cinco meses e foi fundamental como instrumento de apoio para a preservação de vidas nos períodos mais críticos da pandemia.

Ouça a reportagem de Vanessa Peixoto:

Compartilhar via: