(Foto: Editoria de arte da 97 FM)

Informações com o repórter Gustavo Pimentel:

Nota da Saritur: 

“Esclarecemos que, no caso da cidade de Timóteo, houve um caso isolado em que o cobrador sentiu-se mal ao longo da viagem e precisou deixar o veículo. Em todas as cidades que atende, a empresa opera sempre dentro daquilo que é determinado pelo órgão concessor”.

 

 

Compartilhar via: