Por: Itatiaia

Foto: Gil Leonardi

Além da secretária de Educação Julia Santana e do secretário de governo Custódio Mattos, vários outros secretários do governo de Romeu Zema serão indicados para os Conselhos de Empresas Estatais. Essa medida pode triplicar o ganho mensal de integrantes do primeiro escalão, caso eles sejam conselheiros em mais de uma empresa.

O acúmulo de cadeiras em conselhos, por parte de integrantes secretários estaduais, foi duramente criticado por Zema durante a campanha, no entanto, agora o governador confirma que fará o mesmo.

Em nota, o governo respondeu que, representando os interesses do Estado, vários secretários estarão em conselhos fiscais de empresas em que o Executivo estadual tem participação acionária. De acordo com o texto, por estarem na gestão da administração direta, conhecendo as diretrizes das políticas públicas estaduais, o governo entende ser apropriado indicar esses profissionais para participarem dos conselhos fiscais.

Segundo o governo, são representantes do estado que contribuirão para o alinhamento de prioridades.

 
Compartilhar via: