Deputados rejeitaram hoje a proposta que pretendia incluir um módulo de voto impresso ao lado de urnas eletrônicas a partir das eleições de 2022. A Proposta de Emenda à Constituição 135/19 teve 218 votos contra, 229 votos a favor e uma abstenção.

O texto era um pleito do presidente Jair Bolsonaro para as eleições de 2022. A PEC foi derrotada na semana passada na comissão especial de análise do texto, mas, ainda assim, o presidente da Câmara, Arthur Lira (PP-AL), decidiu levar ao plenário a Proposta de Emenda à Constituição para que todos os deputados pudessem decidir.

Mais informações em instantes…

Compartilhar via: